TENTO DIZER QUE SOU FELIZ

Celeste Ada de Assis Foureaux

Tento dizer...
Que esta vida boa
Que o mal no conta
Que a virtude tudo
Que a luz sempre
Que o amor lindo
Que a guerra triste
Mas que eu no sou...

Tento dizer...
Que explicar vago
Que nascer belo
Que viver nos basta
Que sorrir renasce
Que amar constri
Que morrer triste
Mas que eu no sou...

Tento dizer...
Que o orar ajuda
Que ajudar pouco
Que no cu h paz
Que a paz branca
Que a pureza franca
Que a mentira triste
Mas que eu no sou...
Tento dizer...
Que seu sorriso claro,
Seu olhar puro,
Seu viver pleno,
Sua voz floresce,
Suas mos acalmam
Que no crer triste
Mas que eu no sou...


Celeste
Novembro/92

Envie este Poema

De: Nome: E-mail:
Para: Nome: E-mail:
Sinceros agradecimentos pela preservao da Autoria.