A força de Deus cada hora vem de uma cor

Euna Britto de Oliveira

A força de Deus cada hora vem de uma cor
Hoje ela veio marrom
Madeira brasileira, grandes prateleiras
Onde se armazenarão sonhos, coragem, gentileza
Bondade, pontualidade, boa vontade, novidades…
Um povo de pele marrom me encanta com o seu misticismo
Este povo é o indiano
O negro tem ritmo, alegria e dentes brancos
E um gosto pelo colorido
Tem dia que a força de Deus vem azul
E Ele me inunda de mar e do verbo amar
Outros dias vem verde, vem floresta Amazônica!
A força mais rica é a dourada!
Esplendor e resplendor
Ah, quando a força que vem de Deus é dourada
Eu não preciso de mais nada!...
É luz do sol e calor
Eu falo do eterno amor!...

Euna Britto de Oliveira
BH, 28/11/2017

Envie este Poema

De: Nome: E-mail:
Para: Nome: E-mail:
Sinceros agradecimentos pela preservação da Autoria.